Atenção!

Todas as imagens usadas neste blog foram retiradas da Internet. Se alguma delas contiver Direitos Autorais ou conteúdo que possa ofender alguém, avise-me por email para que seja feita a retirada imediatamente. O endereço encontra-se em Contato. Obrigada!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Feriado no interior com a melhor amiga

Como prometi no post anterior, compensarei o fds postando um conto hoje. É o relato de uma amiga minha sobre uma história que aconteceu com ela durante uma viagem ao interior.

"Geralmente nos feriados religiosos vou para uma cidadezinha do interior de Minas Gerais com meus pais, visitar minha avó. Como cidade pequena nunca tem nada de muito interessante para fazer, sempre levo alguma amiga comigo, para que eu possa me divertir em boa companhia. Neste último feriado que teve, convidei uma amiga da faculdade.
A Kel é linda: ruiva, cabelos cacheados, branquinha, olhos azuis. Tatuada, estilosa, cheia de personalidade. Não faz o tipo "manequim", é um pouco gordinha, o que não tira em absolutamente nada a sua beleza. É super gente fina também.

Durante os dias que passamos na casa da minha avó nos divertimos muito: de manhã íamos com meu avô pra fazenda e ficávamos andando a cavalo (a Kel nunca tinha montado antes, foi super divertido ensiná-la!) até a hora do almoço. Então voltávamos pra cidade, almoçávamos e depois passávamos a tarde inteira na piscina, tomando sol e caipirinha.



Batemos altos papos na beira da piscina, conversamos sobre assuntos que nunca tínhamos tocado na facul. Descobri que ela perdeu a virgindade aos treze anos com um cara de 25, fez sua primeira tattoo bêbada, escondida dos pais (ainda bem que ela escolheu um desenho bonito, uma tribal que super combinou com a personalidade dela - apesar de eu não ser fã de tribais) e tem um piercing genital. Na hora que ela me falou desse piercing, arrastei a garota pro banheiro e pedi pra ver! Não que eu tivesse segundas intenções, não sou de ficar com mulher, curto muito um pau. Realmente foi pura curiosidade! Enfim.

À noite nos arrumamos e fomos curtir o agito (juro que não estou sendo irônica) da cidade. Nada demais, a galera toda se encontra na pracinha central pra zoar, paquerar e beber. Entramos no barzinho mais agitado, onde encontrei alguns amigos que conheci de outras vezes. Ok, o bar estava agitado, mas só tocava sertanejo. Então, enquanto todo mundo ficava dançando (sei lá como se dança sertanejo), eu e a Kel, que não curtimos muito o gênero, bebemos mais que tudo. Não chegamos a ficar ruins, mas bastante alegres! Quando o bar fechou lá pelas 2h da manhã (cidade pequena dorme ceeeeeedo...), ainda ficamos um tempo com o pessoal, zoando na pracinha, e depois resolvemos voltar pra casa da minha avó.

Entramos de fininho pra não acordar ninguém. Chegando no nosso quarto caímos na risada, como duas retardadas! Aí ficamos conversando, porque nenhuma das duas estava a fim de dormir! Papo vai, papo vem, começamos a falar de sexo (sempre!). Ela comentou que tava precisando dar, porque desde que tinha terminado o namoro, há uns dois meses, ela não transava com ninguém; depois contou que tinha transado com uma amiga uma vez, quando as duas estavam super bêbadas, e tinha gostado da fruta. Enfim jogou o verde: disse que eu era muito gata e tinha vontade de ficar comigo, mas que sabia que eu não curto essas coisas e não ia tentar nada comigo, que estava só comentando.

Mas como o meu nível etílico já estava alto, resolvi investir. Disse que até tinha a curiosidade de ficar com mulher. E ainda cutuquei, falei que ela não ia tentar nada comigo porque era frouxa. Pra quê?! A menina pulou na minha cama, subiu em cima de mim, olhou nos meus olhos e me mandou repetir. Foi o que eu fiz: "frouxa".  Na verdade, acho que eu nem cheguei a terminar de falar, ela já tinha me agarrado. Começamos um amasso forte, e olha, poucos homens tiveram uma pegada tão gostosa assim comigo. Menina, essa Kel é do caralho!

Eu nunca havia ficado com uma mulher antes, e no começo nem sabia direito o que fazer. Mas sabe como é, eu gosto de estar no controle da situação. Então logo era eu quem estava por cima dela, arrancando a sua camisola, beijando aqueles peitinhos lindos. Eu já disse e repito: ela estar um pouquinho acima do peso não tira em nada sua beleza. Que corpo lindo! Fui beijando a barriga dela enquanto acariciava as coxas, beijando as coxas enquanto apertava a bunda, pegando em toda a carne macia daquele corpo. Arranquei a calcinha (e atenção, eu nunca chegado tão perto de outra vagina se não da minha própria!), mas o tesão era tanto que a chupei com muita vontade (falei do pircing dela, né? Adorei brincar com ele!). Eu não sabia direito como fazer, então fiz do jeito que eu gostaria que fizessem em mim. Acho que ela curtiu, porque se contorceu todinha, até gozar.

Depois ela também tirou minha roupa, beijou todo o meu corpo e fez um delicioso sexo oral em mim. Não virei fã de fazer sexo com mulheres, mas aquela boquinha macia me deixou louca! Uma coisa eu admito: a delicadeza de um beijo de mulher é hiper sensual. Ela chupou tão gostoso, e ao mesmo tempo em que me masturbava, foi tão bom que logo atingi o êxtase. E eu nunca tinha tido um orgasmo só com sexo oral! Sim, a Kel é do caralho. Depois nós duas nos recompomos, vestimos nossos pijamas e ficamos deitadas, abraçadas, rindo daquele jeito bobo que as mulheres ficam depois de gozar.

Somos melhores amigas hoje em dia, mas nunca mais ficamos. Prefiro lembrar deste momento com aquele carinho que tenho pelas coisas maravilhosas que acontecem na vida sem replay. Acho que certas coisas, se repetidas, perdem a graça, e o meu lance é homem. "
Uaaaau, adorei o relato dessa minha amiga.. Fiquei morrendo de tesão aqui, toda molhadinha! E vcs, curtiram a experiência lésbica dela?
Beijos gostosos da Lisa ;*

PS.: quase ia me esquecendo! Quero deixar aqui um beijo especial ao querido Eros, do sexualitybr, por ter feito com o maior carinho o novo banner aqui do blog! Mais uma vez, muito obrigada, querido!!!

5 comentários:

  1. dois tbm me deu o maior tesão agora...
    humhum delicia. duas mulheres se pegando

    ResponderExcluir
  2. maneiríssimo! piercing na pussy, wow! q medo. essa sua amiga parece safadinha, vcs nunca se pegaram?!

    ResponderExcluir
  3. ....parabéns pelos 10.000 acessos linda Lisa, ganhei o selinho da Verônika e Claúdio e vou postar hj mesmo...e cooomo eu NÃO te conhecia ainda delícia? Pelo visto não sairei daqui... bjinhos...

    ResponderExcluir
  4. Hei my sweet....

    Vc e suas histórias maravilhosamente quentes...

    saudadessssss

    Beijos molhados!

    ResponderExcluir